meiotom  poesia & prosa

e-mail: meiotom@uol.com.br

 

   meiotom.blog                                                  PEDRO BU BOIS

 

ESPECIAL

 André Carneiro

 Eunice Arruda

 Leminski

 J. Cardias

 Jorge Cooper

 Poesia Cubana

 Poema Libai

POESIA

 Carlos Pessoa Rosa

 Convidados

 Carlos Pessoa Rosa

 Convidados

 Carlos Pessoa Rosa

 Convidados

 POESIA VISUAL

 Almandrade

 Carlos Pessoa Rosa

 Clemente Padín

 F. Aguiar

 G. Debreix

 Hugo Pontes

 José L. Campal

 J.M.Calleja

 Rafael Marin

 Poe-Zine

 Marcos Rosa

 Avelino Araujo

 Thierry Tillier

 FOTOGRAFIA

 Andrea Angelucci

 F. Pillegi

 Euclides Sandoval

 TITE

 GONDIM

ARTES PLÁSTICAS

 Lúcia Rosa

 Felipe Stefani

 Maria Domênica

 Lampros

 DIVERSOS

 Concursos

 Resultados concursos

 Resenhas

 Estatística

ANTEPASSAR

 

No antepassado o silêncio sepulcral

do desinteresse com que me debruço

ao destino. O passar dos anos

amiúda a inconsequência de seguir

em frente. Alardeio o futuro em progressos

e não aprendo a exteriorizar sentimentos

 

- em laboratórios tentam

 novo paradigma humano

        feito gesto e plástico.

 

Aos antepassados rendo glórias

em datas pré-fixadas. Denomino

ruas. Fixo placas.

 

- no fim do corredor

 chora o passado: triste

             rosto à imagem.

 

(Pedro Du Bois, inédito)