Meiotom - poesia


 

 

Eunice Arruda

ESQUECI
 
 
    o meu

caminho de casa


o sono úmido

útero


o nome dos sentimentos


as mãos

dadas às praças


as flores

as estações, esqueci

o rosto de minha mãe